quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Nunca te rejeitaria.

-É bom não ser rejeitada por você.
-E quando eu rejeitei você?
-Quando você estava puto comigo.
-Eu não estava te rejeitando, estava te evitando.
-E tem alguma diferença?
-Rejeição agrega em não te querer. Enquanto eu te evitava, o que eu mais queria era que você me agarrasse e me mandasse calar a boca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário