segunda-feira, 31 de agosto de 2015

poema para os dias das lembranças ruins.

Já passou. Acabou. Deixa pra lá. Esquece. Não serve mais. A data venceu. Deixa disso. Pula esse dia. Arranca essa página. Vira o disco. Começa outra música. Faça de conta. Inventa qualquer coisa. Permita que se vá. Feche os olhos. Deixe passar. Aguente. Resista. Sobreviva a este momento. E lembre-se: amanhã é outro dia.

Kelly Shimohiro


2 comentários: